Mogno Africano - Khaya Anthoteca
ampliar foto

QUER SABER MAIS?
Envie um e-mail ou ligue e agende uma visita em nossas áreas já instaladas.

MOGNO AFRICANO KHAYA ANTHOTHECA

 

O khaya Anthotheca é uma grande árvore, podendo chegar a 60m de altura, ocorre naturalmente em florestas de baixa altitude e em florestas perenes e ribeirinhas. Na tanzânia é comumente encontrado no sopé da cordilheira, em solos bem drenados, e no pântano e áreas ribeirinhas, ocorre também em regiões de mais baixas chuvas na África, a partir de Serra Leoa para o Sul Leste da Nigéria, assim como Uganda e República Democrática do Congo. Em Gana é encontrado dentro de zonas secas. Tem sido cultivada com sucesso nas regiões Orientais da África do Sul.

 

O Khaya Anthotheca  pode ser plantado com sucesso em regiões com precipitação ente 600 e 1600 mm anuais, desenvolve melhor em altitudes de 0 a 1000  acima do nível do mar,  faixa que apresenta o melhor desenvolvimento. Na África pode ser encontrada na floresta, em matas ciliares, áreas de cerrado, e em zonas de transição. É uma espécie que apresenta crescimento reto. É uma espécie muito importante na Bacia do Congo e África Ocidental

 

 O khaya Anthotheca  apresenta características importantes para recomendar seu plantio para as regiões  onde apresenta  índices de chuvas abaixo de 1200mm anuais. É uma espécie bastante tolerante ao frio .

 

Sua madeira é marrom avermelhado escuro, durável e resistente ao ataque de cupins e fungos, ideal para móveis e pisos, paineis e excelente para construção de barcos, muito usada para produção de móveis de luxo.

 

O plantio deve ser mantido limpo, evitando a concorrência com ervas daninhas, gramas, brachiárias e outras invasoras.

 

O khaya Anthotheca também é muito usado para árvore de sombra, pela beleza de sua densa copa.

 

Usos medicinais na  África: Sua casca é amarga, semelhante ao quinino, é usado para constipações. O óleo das sementes é esfregado ao couro cabeludo para matar insetos.